Um super anti-oxidante natural

Mangostão - antioxidantes com propriedades especiais é um suplemento alimentar e não um medicamento.

Avalie os estudos sobre o mangostão, as causas das doenças, e avalie as experiências de todos aqueles que consomem o mangostão. A resposta para si próprio é: Você acredita nas qualidades do Mangostão?2006 Robert C.Stone, D.O. Médico e investigador. Author do Best-selling CD: "Mangosteen: Figting the Fatal Five" Têm-se dedicado a espalhar a mensagem do mangostão como um ótimo suplemento alimentar para a saúde.

As xantonas são poderosos antioxidantes da família dos fitonutrientes. Pertencem ainda à classe dos bioflavonóides.

Até hoje foram descobertas cerca de 200 xantonas, 40 das quais estão presentes na fruta do mangostão. Elas foram descobertas inicialmente quando os cientistas tomaram por base os usos terapêuticos dos povos indígenas, e começaram a estudar o porquê destes efeitos do mangostão na saúde. Mais xantonas existem na natureza as quais se manifestam por exemplo no musgo e na casca de árvores.

As pesquisas acerca das xantonas encontradas no mangostão começaram em 1970 e gradualmente foram crescendo à medida que se começaram a descobrir importantissimas propriedades nutritivas. As pesquisas sobre as xantonas do mangostão cresceram exponencialmente entre 1996 e 2005. Mais estudos estão ainda em curso.

Entre a atividade biológica, destaca-se a ação sobre uma série de enzimas importantes, como ciclooxigenases (COXs) e monoaminoxidases (MAO); atividade anti-microbial, anti-fúngica, anti-retroviral, anti-hipertensiva, anti-diabética, anti-inflamatória, antimalárica.

Alguns terapeutas naturais crêem que 90% da população sofre de alguma infecção intestinal por parte de parasitas, os quais nos roubam muita energia. Uma alimentação carnívora é mais propensa a originar parasitas. O suco de mangostão é um estabilizador da digestão.

O “suicídio” celular programado desempenha um papel importante em diversos processos vitais e em inúmeras doenças. Investigações recentes revelam porque o extrato metanolico do pericarpo (casca) do mangostão possui fortes efeitos de desacelerar a proliferação da oxidação e induzir a apoptose (há células destinadas a morrer, a fim de que outras possam prosseguir a sua tarefa de constituição de tecidos e órgãos. Designa-se esse fenómeno como “apoptose”, ou morte celular programada).Ajudar a combater o cancro é apenas uma de entre as muitas propriedades que as xantonas proporcionam. Em adição, algumas xantonas, mostraram significativa atividade anti-microbiana. Foi cientificamente provado que as xantonas ajudam a diminuir os LDL (Low Density Lipoprotein – proteínas de baixa densidade), que é o mesmo que colesterol mau. Protege as LDL (colesterol) de entrar em contacto com os radicais livres, e portanto deixando-os não passíveis de oxidar e prenderem-se às paredes arteriais e causar arteriosclerose etc.

Tendo em conta o efeito anticancerigeno, anti-inflamatório, anti-microbial, e os efeitos de diminuição do colesterol por parte da xantonas encontradas no mangostão, note-se ainda uma amostragem dos restantes benefícios que a ciência investigou ou está em processo de investigação: De fato, alguns terapeutas têm vindo a sugerir beber suco de mangostão para alívio de pessoas que sofrem das muitas doenças:XANTONASAs Xantonas são importantes fitonutrinentes com poderosas propriedades antioxidantes que pertencem à classe dos bioflavonóides.

Até hoje, foram descobertas cerca de 200 xantonas, 40 das quais estão presentes na fruta do mangostão. Foram descobertas inicialmente quando os cientistas se preocuparam em estudar os usos terapeuticos do fruto do mangostão, que os povos indígenas utilizavam regularmente para usos terapeuticos. Pesquisas científicas foram iniciadas por volta de 1970, e aumentaram gradualmente à medida que começaram a descobrir um maior número de propriedades nutritivas neste fruto. Têm inclusive aumentando de forma significativa ao longo da última década, estando ainda muitos estudos em curso.Entre as atividades biológicas encontradas, destaca-se a ação sobre uma série de enzimas importantes, como ciclo-oxigenases (COX’s) e as mono-aminoxidases (MAO). Foram também comprovadas, nas xantonas, atividade anti-microbiana, anti-fúngica e anti-retroviral bem como, propriedades anti-hipertensivas, anti-diabéticas, anti-inflamatórias, anti-maláricas e anti-tumorais.Alimentação antioxidanteNos dias de hoje recomenda-se uma alimentação equilibrada e variada para manter uma saúde prolongada e prevenir doenças. Deste modo, devem-se considerar dietas ricas em ácidos gordos polinsaturados. Todavia, estes são facilmente oxidados. Uma dieta rica em antioxidantes é um factor preventivo na luta contra a oxidação.Enriquecer a alimentação com ácidos gordos polinsaturados, significa evitar a formação do colesterol. Normalmente estas gorduras são ricas em vitamina E, sendo também esta um importante antioxidante.

Sabemos que o Mangostão tem sido utilizado desde há séculos na medicina tradicional em muitas partes do mundo. Agora após três décadas de estudos científicos laboratoriais para suportar o seu uso sabemos que o fruto Mangostão pode ter grande inflûência no auxilio de problemas na saúde.

O Mangostão conhecido como a Rainha das Frutas,é uma fruta exótica, cultivada na zona equatorial do Sudeste da Ásia, e certificada pela Ciência Médica como super rica em fitonutrientes e em antioxidantes mais poderosos que qualquer vitamina.

Estes fitonutrientes,chamados de Xantonas (Xanthones) encontrados em mais abundância na casca do fruto Mangostão do que em qualquer outra fonte de comida na terra, são Antioxidantes 100 vezes mais potentes que as vitaminas C&E e demonstraram tremendas propriedades de prevenção e cura no corpo humano, em estudos científicos a volta do mundo.

O que são Xantonas
Xantonas são compostos orgânicos, biologicamente activos-C13H8O2-, encontrados em algumas plantas tropicais. Pesquisas sobre Xantonas indicam que elas são benéficas na prevenção e tratamento de: alergias, infecções, níveis de colesterol, inflamações, desordens na pele, desordens gastro-intestinais e fadiga. As Xantonas, enquadradas no grupo de polissacarideos/gliconutrientes reforçam o sistema imunitário do corpo, porque exibem uma atividade super antioxidante, o que é benéfico para neutralizar os radicais livres no corpo. Os radicais livres são os inimigos da saúde das nossas células. As Xantonas funcionam como uma unidade SAS de primeira categoria contra os radicais livres. São moléculas estáveis, não alterando a sua estrutura com o calor. O mangos-tão contem o maior numero de Xantonas do que qualquer outra planta tropical.

É ÚNICO
SUPER ANTI-OXIDANTE e ANTI-INFLAMATÓRIO NATURAL

“ As Xantonas representam provávelmente a descoberta mais marcante dos últimos anos em matéria da medicina natural. Estas substancias extraordinárias produzem um efeito benéfico sobre quase todos os sistema do corpo humano. “ J.F. Templeman M.D.



Propriedades médicas das xantonas

1. Principais propriedades encontradas no fruto Mangostão,segundo Dr. James A Duke/Dr. J. F.Templeman, M.D.:

  • Anti-viral,
  • Anti-fungos,
  • Anti-bactérias,
  • Anti-microbiótico,
  • Anti-tumor,
  • Anti-cancro,
  • Anti-inflamatório,
  • Anti-artrites,
  • Anti-esclerose,
  • Anti-dor,
  • Anti-histaminico,
  • Anti-depressivo,
  • Anti-leucemia,
  • Anti-ulcera,
  • Anti-diabetes,
  • Anti-asma

2. Principais problemas de saúde para os quais o Mangostão é INCRIVEL:

  • Alergias e Rinites,
  • Alzheimer’s,
  • Artrites,
  • Asma,
  • Túnel Carpiano,
  • Dor Crónica,
  • Fibromialgia,
  • Colesterol Elevado,
  • Hot Flashes Sida,
  • Problemas de Articulações
  • Enxaquecas,
  • Dores de Cabeça,
  • Parkinson’s,
  • Anemia,
  • Eczemas,
  • Queimaduras de Pele,
  • Sinusites

A ciência médica

Segundo os estudos feitos na área da Medicina,o fruto do Mangostão contém um grande numero de substâncias biológicamente ativas,tais como:

  • Polisacárideos - São estruturas químicas, complexas de carboidratos,que quando aderem à membrana celular, das nossas células, fazem que essa célula não se pegue a outra. Portanto, quando uma célula está doente, isto é, está com cancro, a tendência natural dessa célula é aderir a outra para poder subsistir e assim é como se forma a metástase - vai crescendo o cancro. A grande surpresa é que os polisacárideos se unem a célula doente e agora esta célula já não se pega fácilmente a uma célula sã. Portanto, a metástase do cancro é detida destruindo as células doentes.
  • Quinonas - São princípios ativos em que a sua estrutura molecular é muito parecida com a tetraciclina, um antibiótico. É a razão pela qual o suco do mangostão tem um grande poder contra fungos,vírus e bactérias.
  • Estilbenos - São consideradas poderosos antioxidantes.
  • Fenóis - Com propriedade antimicótica, antifungos.
  • Taninos - Geram um grande beneficio na destruição de coágulos e de pequenas acumulações de lipoproteinas de baixa densidade, chamado de mau colesterol. Com isto faz que não se pegue tão facilmente o colesterol nas artérias. A oxidação da gordura no sangue gera a formação de plaquetas nas artérias.
  • Catequinas-São poderosos antioxidantes.

Sem embargo, algumas destas substâncias podem ser encontradas em diferentes alimentos e suplementos. Porém,as xantonas encontradas na casca (pericarpo) do fruto do mangostão, são reconhecidas pela ciência médica, como os fitonutrientes/antioxidantes mais poderosos que se tem descoberto até à data. Tem-se descoberto cerca de 200 xantonas na natureza. Sem embargo,de todas as outras frutas e vegetais pesquisados, que existem na natureza, nenhuma tem uma quantidade além de 8 xantonas. Até ao presente, com a maior concentação, foram encontradas no fruto do Mangostão:

1. Casca: 40 xantonas

2. Polpa do fruto: 3 xantonas


Causas comuns para diferentes doenças
Parece estranho que um simples suplemento natural tenha a capacidade de ajudar a sanar ou reverter um grande número de problemas de saúde. Compreendemos que muitas doenças atualmente partilham das mesmas causas. A partir da década passada, ficou demonstrado, e hoje vemos os problemas aumentarem, que muitas doenças são o resultado de causas básicas: Radicais Livres e Inflamação Crónica.

1. Antioxidantes: A resposta aos danos provocados por Radicais Livres
Os Radicais Livres são substancias perigosas, geradas através do metabolismo do oxigênio no nosso corpo ou que ingerimos e as quais estamos expostos constantemente, via alimentos, via contato, via respiratória, etc. Os Radicais Livres, também chamados de oxidantes, tem a capacidade de prejudicar e destruir os nossos órgãos, células, tecidos e até o nosso DNA. Esta capacidade de destruição só pode ser prevenida pelo consumo regular de um número adequado de antioxidantes naturais poderosos.

2. Inflamação
A inflamação, e particularmente a Inflamação Crónica, é a segunda causa principal de muitas doenças. Por exemplo, em algumas formas de doenças cerebrais, os Radicais Livres danificam as células do cérebro (os neurónios) em primeiro lugar,mas o nosso organismo reage e responde com uma inflamação que causa, aos neurónios à volta, uma falha no seu funcionamento. A inflamação é a reação orgânica a uma infecção gerada no nosso organismo. Juntos, estes dois processos são responsáveis pela maioria das doenças debilitantes e fatais atualmente. A nutrição suplementar ideal para combater e prevenir estas doenças deve conter compostos antioxidantes e anti-inflamatórios naturais, como os existentes no Mangostão.

3. O Mangostão : Não é só uma Fruta Típica
Durante centenas de anos, esta deliciosa e saborosa fruta ”O Mangostão” é usada no Sudeste Asiático, Índia e muitas ilhas do Pacifico como um alimento e um produto medicinal pelas várias culturas, conhecidas por não padecerem de doenças. Agora durante os últimos 15-20 anos, cientistas conseguiram determinar porque é que o Mangostão é tão eficaz para prevenir, combater certas doenças e para recuperar a saúde. O Mangostão completo (casca e polpa)contém mais do 40 componentes nutricionais, biológicamente ativos, chamados XANTONAS.

4. Xantonas: Chave na luta contra os Radicais Livres e Inflamações
Xantonas são Super Antioxidantes e que também tem poderosas propriedades anti-inflamatórias. É demasiado evidente porque é que o Mangostão pode positivamente prevenir e atuar em tantas situações, combatê-las na origem das causas. Melhor ainda, e contrário às drogas farmacêuticas anti-inflamatórias, o Mangostão é considerado Inócuo sem efeitos colaterais e ajuda a proteger o estômago e todo o sistema gastrointestinal. É oportuno e importante enfocar as poderosas propriedades das Xantonas que podem ajudar a:


  • Manter a saúde intestinal. O sistema gastrointestinal, consistindo de boca, faringe, esófago, estomago e intestinos delgado e grosso, é uma parte do nosso sistema imunitário: Gastroenterite é a inflamação dos intestinos e a mais comum doença dos intestinos.
  • Suportar o sistema imunitário A inflamação é uma das primeiras respostas do sistema imunitário a infecção. Sintomas usualmente incluem vermelhão na pele e suores, ambos causados por um aumento do fluxo de sangue.
  • Neutralizar os radicais livres As Xantonas do mangostão tem poderosas propriedades antioxidantes que podem neutralizar os radicais livres. Deixados incontrolados, os radicais livres podem danificar células, tecidos e o DNA.
  • Suportar as cartilagens e as articulações do sistema muscular e esquelético A cartilagem é um denso tecido de união nas articulações, caixa toráxica, nariz e ouvidos. A articulação do joelho e pé é uma das mais complexas do corpo e a mais provável a sofrer danos, do que qualquer outra cartilagem.
  • Fortalecer o sistema respiratório saudável O caminho respiratório é um lugar comum para infecções, sobretudo na parte superior alergias, rinites, sinusites e asma.

O Mangostão no Laboratório
Em adição às propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias, muitas das xantonas do Mangostão possuem propriedades adicionais na protecção da saúde e na luta à doença. Em vários laboratórios espalhados pelo mundo, as xantonas foram consideradas ativas contra os agentes infecciosos,danos do mau colesterol,células cancerosas e muitas outras doenças. Estes estudos também demonstram que as xantonas tem uma grande capacidade na melhoria da saúde do trato intestinal, rins, pele e outras áreas da saúde.

Radicais Livres x Antioxidantes Naturais
Para entendermos o que são os radicais livres é necessário esclarecer que todas as células do nosso corpo necessitam constantemente de oxigénio, para converter os nutrientes absorvidos dos alimentos em energia. Entretanto, a queima do oxigénio pelas células (oxidação) tem seu preço: libera moléculas de radicais livres, moléculas com um número ímpar de electrão que são instáveis e apresentam um electrão de carga negativa que tende a se associar muito rapidamente a outras moléculas de carga positiva, com as quais pode reagir ou oxidar o nosso organismo. Dessa forma, esses radicais livres podem danificar as células sadias do nosso corpo, gerando até possíveis inflamações crónicas, sendo que o bombardeamento excessivo por essas moléculas danifica o DNA das células, bem como outros materiais genéticos.
Entretanto, as células do nosso corpo, expostas a dezenas de ataques de radicais livres por dia, tem enzimas protetoras que reparam quase a totalidade do dano por oxidação. Sendo assim, o nosso organismo conseguiria controlar o nível desses radicais produzidos através do metabolismo do oxigênio, desde que todos os nossos órgãos e células estivessem em perfeito funcionamento e saudáveis. Mas esse processo de oxidação que ocorre dentro do nosso corpo, devido aos processos metabólicos, não é a única fonte de radicais livres. Há fatores externos que podem igualmente contribuir para a formação de um excesso de radicais e, que podem causar danos irreparáveis. Entre as causas externas mais prováveis de formação de radicais livres no nosso corpo, encontram-se:

  • Poluição ambiental e gases de escapamentos de veículos
  • Raios X e radiação ultravioleta do sol
  • Fumo e fumaça de cigarro e incensos
  • Gases e águas de efluentes expelidos por industrias poluentes
  • Resíduos de pesticidas e herbicidas e sua infiltração em nascentes de água e culturas de alimentos
  • Substancias tóxicas presentes em alimentos e bebidas (aditivos químicos, hormônios em carnes de gado e galináceos, quando de criação intensiva, aflatoxinas – um problema mundial), entre outras.
  • Álcool, bebidas alcoólicas, drogas e drogas sintéticas
  • Stress
  • Consumo excessivo de gorduras saturadas (frituras,hamburguers,etc)
  • Remédios que contenham oxidantes
Ação dos Radicais Livres
Os radicais livres não devem ser considerados como vilões, face o metabolismo do oxigênio do nosso corpo os gerar e os controlar. O que deve ficar claro é que o excesso dessas substancias, geradas e não eliminadas, por incapacidade orgânica, é tóxico ao nosso organismo e bastante prejudicial para a nossa saúde.

Paradoxo do Oxigênio significa que o oxigénio é absolutamente necessário ao nosso organismo, mas extremamente perigoso, porque produz partículas instáveis, chamadas de radicais livres, que geram oxidação das nossas células se não forem neutralizadas imediatamente pelo sistema imunitário do nosso corpo ou por antioxidantes. A teoria mais popular sobre o processo de envelhecimento é que é o resultado dos radicais livres que danificam as nossas células.
Quanto mais as pessoas ficarem expostas aos fatores externos que citamos anteriormente e que hoje mais se acentua, maior é a quantidade de radicais livres que se acumulam no seu corpo, sem capacidade de neutralização ou eliminação. Com o tempo, esse efeito cumulativo, a par da perda da vitalidade dos nossos órgãos, pode causar alterações irreversíveis nas células ou mutações, que podem favorecer o aparecimento e o desenvolvimento de células cancerosas e outras doenças fatais. A formação de radicais livres não auto elimináveis tambem está relacionada com enfraquecimento do sistema imunológico e ao envelhecimento. Manchas pigmentadas na pele, rugas precoces, até distúrbios mais sérios como cataratas, glaucoma, arteriosclerose, artrite, dores lombares, entre outras, são atribuídas à ação dos radicais livres.

A comunidade cientifica reconhece que algumas doenças mais incapacitantes ou mortais são provocadas pela presença desses radicais no organismo humano. Na lista encontram-se desde o caso dos enfisemas, dos acidentes vasculares cerebrais, de certas afecções reumáticas, doença de Parkinson, mal de Alzheimer, entre outras.

Aplicações terapêuticas
Algumas das funções terapêuticas destas moléculas chamadas XANTONAS são evidenciadas, a casca do fruto Mangostão se usa para febre, dores musculares, feridas e enfermidades da pele como psoriase, eczemas e queimaduras, infecções do aparelho urinário originados por micróbios e parasitas, enfermidades do intestino grosso, anti-inflamatório - é um bloqueador de COX2 (Enzima que gera inflamação crónica, como dor de articu-lações, artrite, gota e várias outras).

Médicos, centros de investigação, universidades de várias partes do mundo, inclusive a Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto, tem mencionado os seguintes usos do suco do fruto Mangostão em diferentes sistemas corporais:
1-Indicações Gerais
  • Anti-Fadiga,
  • Potenciador de energia/Revitalizante
  • Atua como poderoso antioxidante
  • Anti-Perodontico-previne enfermidades como Gengivites e outros problemas dentais
  • Anti-Envelhecimento-pelas suas propriedades antioxidantes
  • Anti-Vertigo-ajuda a prevenir enjoos
  • Antipirético-ajuda a baixar a febre
  • Ajuda a prevenir cálculos renais-pode melhorar a função renal e a inflamação de infecções na bexiga ajudando a diminuir a inflamação
  • Ajuda a prevenir o glaucoma
  • Ajuda a prevenir as cataratas
  • Dores de cabeça
  • Enxaqueca

2- Indicações Vasculares - Coração e Circulação Sanguínea

  • Anti-Arterioesclerótico - Prevenção da Arteriosclerose (melhora a circulação sanguínea pela diminuição dos danos dos Radicais Livres e melhoria dos processos inflamatórios)
  • Protege o músculo do cortação
  • Cardioprotector-ajuda a proteger o coração e o sistema cardiovascular
  • Antilipidémico-ajuda a baixar a gordura no sangue
  • Protege contra a oxidação ao colesterol - colesterol mau e triglicerideos -por ser antioxidante.
  • Baixa o colesterol e os níveis dos triglicérideos
  • Hipertensão (pode baixar a tensão alta)
  • Ajuda a baixar a hipertensão arterial

3- Diabetes

  • Hipoglicêmico - ajuda a baixar/regular os niveis do açúcar no sangue
  • Diabetes tipo II Obs.: Se a glucose transportada pela insulina não for absorvida pelas células, a glucose permanece no sangue, originando elevados níveis de açúcar no sangue. Os antioxidantes regularizam o funcionamento das células, ativando a absorção da glucose do sangue por estas, gerando energia e eliminando assim a fadiga no corpo, que constitui uma das carac-teristicas principais de diabetes. Assim o nível de açúcar no sangue tende a baixar. Também torna mais ativa a produção de insulina
  • Danos dos Radicais Livres - pode ajudar a melhorar o fim dos danos nos órgãos afectados pelos radicais livres na diabetes

4- Indicações Musculo-Esquelético

  • Antiartritico
  • Ajuda a prevenir a perda da massa óssea
  • Anti-Inflamatório-bloqueador de COX2
  • Apoio na fibromialgia - pode melhorar as dores musculares, as inflamações em geral, depressão e ansiedade
  • Artrite e inflamação articular (pode diminuir a inflamação, dores e danos nas articulações associada ás artrites)
  • Saúde desportiva - pode miminuir as dores e inflamações após os treinos desportivos e minorar as lesões.

5- Indicações Imunológicas

  • Fortalece o nosso sistema de defesa
  • Apoio a pacientes com cancro-por suas propriedades antitumorais
  • Antiviral
  • Antimicrobial
  • Antiparasitário
  • Imunomodulador
  • Hepatoprotetor, recobre as células do fígado. Algumas linhas de cancro do fígado melhoram com o suco do mangostão
  • Evita a duplicação do VIH-virus da AIDS-actua como antiproteasa
  • Aumenta ou sensibiliza as células assassinas naturais para identificar e matar as células degeneradas, isto é, com cancro
  • Uma xantona-a Garcinona E atua contra linhas celulares do cancro do fígado, do estômago, do pulmão e da prostata
  • Algumas xantonas do Mangostão atuam contra o cancro de mama e alguns tipos de leucemia
  • Danos no DNA - pode ajudar a melhorar os danos resultantes dos radicais livres de que resultam mutações de células
  • Aumento de Tumores - pode ajudar a diminuir a inflamação na zona do cancro
  • Seis (6) destas moléculas, chamadas xantonas, segundo estudos em laboratórios, resultaram capazes de matar células cancerosas

6- Indicações Gastrointestinais


  • Contra as inflamações do intestino/cólon
  • Colites - pode ajudar a diminuir a inflamação nos intestinos normalizando o seu funcionamento
  • Doença de Crohn/Hemorroidas
  • Gastrite-reduz a produção de ácidos estomacais
  • Anti-ulcera no estômago - pode ajudar no tratamento das úlceras e prevenir os danos no estômago
  • Anti-diarreico - pode estimular o normal funcionamento, regularizando quer a diarreia quer a obstipação crónica
  • Detem parasitas
  • Refluxo Gastroesofágico - pode diminuir o refluxo da acidez no estômago e estabilizar a proteção das paredes do estômago
  • ERD-Hernia de Hiato

7- Indicações Respiratórias

  • Tuberculose
  • Infecções recorrentes
  • Apoio contra a bronquite, rinites, asma e gripe
  • Apoio contra o enfisema
  • Antiasmático-modula a ação da IgE- (Anti-corpo)
  • Anti-alérgico-previne reações alérgicas
  • Apoio integral ao nosso sistema respiratório

8- Indicações no Sistema Nervoso

  • Anti-depressivo-actua como inibidor da MAO ( Enzima monoamina oxidase )
  • Ansiolitico
  • Anti-Alzheimer, pelas suas propriedades antioxidante e neuroprotector-pode reduzir a inflamação responsável pelos danos nos neurónios
  • Anti-Parkinson, reduz o dano por oxidação e inflamação, pode reduzir danos nos neurónios
  • Esclerose Múltipla, para prevenção e tratamento
  • Anti-nevralgico, reduz a dor de nervos (ex. neuropatia diabética), comum nos diabetes
  • Danos Nervosos (pode diminuir o efeito dos Radicais Livres, especialmente comuns na diabetes)

9- Indicações na Pele

  • Tem efeitos similares ou superiores a cortisona
  • Eczema
  • Dermatite
  • Psoriase
  • Seborreia
  • Acne
  • Infecções fungicas na pele
  • Feridas
  • Ação Cicatrizante
  • Queimaduras
  • Rápida recuperação do tecido lesado

10- Infecções - Os Xanthones do Mangostão foram testados em laboratórios e considerados muito activos contra numerosos agentes infecciosos e em determinadas situações, tais como:

  • Bactérias
  • Vírus
  • Fungos
  • Parasitas
  • Febres (devido á inflamação e infecção)

OBSERVAÇÂO- O suco do Mangostão é tão efetivo e ativo em quase todos os sistemas corporais, porque atua a nível celular.


Por que tomá-lo se me encontro são?
Bom, como podemos assegurar que estamos sãos? A dor ou a enfermidade é só o resultado de uma série de eventos que vão sucedendo no nosso organismo ao longo dos dias, semanas, meses, anos ou décadas. Quando temos os sintomas da existência de saúde instável, a solução do problema pode ser tarde demais, se a doença é grave ou de difícil diagnóstico.
O dano ao nosso material genético - DNA – que pode levar décadas a manifestar-se, pode acelerar o envelhecimento das células e aumentar as possibilidades de uma doença grave. De fato, diz-se que o nosso DNA pode sofrer dano endógeno, por fatores internos, como o são os radicais livres. Ou melhor, por dano exógeno, por fatores externos, como a radiação UV do sol, raios X, toxinas, produtos químicos, poluição, fumo e fumaça de cigarro.
Todos estamos expostos ao dano no nosso material genético. Sem embargo, se pode dizer que uma boa dose diária de um Super Antioxidante poderá baixar a taxa de enfermidades e o envelhecimento. Os radicais livres tem a capacidade de destruir células e reduzir o poder das enzimas que mantém os nossos processos corporais em adequado funcionamento. O que necessitamos é um equilíbrio entre os radicais livres e a nossa capacidade para limpá-los. Os antioxidantes e anti-inflamatórios naturais são o principal arsenal para protegermo-nos do excesso de radicais livres. Dão os seus electrões a essas partículas e as neutraliza, tornando-as inofensivas.
Por este motivo, os suplementos com um Super Antioxidante e Anti-inflamatório natural são particularmente benéficos.


É aqui onde entra o papel importante do MANGOSTÃO
PREVENÇÂO DA NOSSA SAUDE


Mangostão, pronto para ser consumido no Suco Antioxidante de Frutas Vermelhas


Mais informações pelo email: suplementosvitais@gmail.com

Voltar à página inicial

---


2 comentários:

  1. fiquei impressionada com tantos benefícios da fruta mangostão ou mangostim....obrigada

    ResponderExcluir